Pesquisar neste blogue

16/01/2012

Orgulhosa de moi même…

Início de ano é quando nós decidimos iniciar mudanças na nossa vida, quando nos comprometemos a fazer diferente.

Eu tenho algumas dificuldades nas mudanças, isto porque acabo por desistir e muitas vezes nem sequer começar, mas este ano noto algumas diferenças em mim própria.

As mudanças já não me parecem tão difíceis e assustadoras e percebi que mudar coisas milimétricas pode ter resultados bastante notórios.

Uma das coisas que tinha decidido mudar foi escrever um artigo para o meu blog profissional uma vez por semana, à quarta-feira, coloquei na minha agenda e assim quando chega aquele dia simplesmente faço, não penso muito… escrevo, publico e está feito.

Outra foi estar mais vezes com a minha família, mas como isso é muito vasto, decidi que ia estar com a minha família no dia de aniversário de cada um. Este fim-de-semana estive no aniversário da minha tia e em Abril faço intenções de lá voltar para o da minha prima.

Hoje vou começar com o sistema Fly Lady, já coloquei as actividades desta semana na agenda do telemóvel, estamos na Zona 3 (casa de banho e outro quarto), mas eu decidi começar só pela casa de banho.

E para o mês que vem vou começar com o sistema dos envelopes (já arranjei uma aplicação para ir controlando os gastos pelo telemóvel).

O que é que eu estou a fazer diferente do que costumava fazer?

1.      Estou a definir objectivos mais claros, mais limitados e mais pequeninos.
Em vez de dizer quero estar mais tempo com a minha família, agora penso “vou estar com a minha família nos aniversários”, ou seja, é numa data específica por um objectivo específico.

2.      Não estou a pensar demasiado nas coisas, nem a ser perfeccionista, sei que tenho de fazer, faço e acabou.
Em vez de estar a pensar com antecedência que tenho que escrever o artigo e sobre o que vou escrever e a tentar fazer o artigo perfeito, simplesmente faço um artigo mediano, num período mais curto de tempo, mas pelo menos faço-o.

3.      Estou munida de ferramentas que não me permitem esquecer os meus objectivos.
Quanto ao sistema Fly Lady e sistema dos envelopes muni-me de ferramentas que me dizem sempre o que tenho de fazer para que não me sinta perdida. Agenda, e-mails da Fly Lady, aplicação de controlo de custos e envelopes.


Cheguei à conclusão que muitas vezes o que nos impede de concretizar os nossos objectivos não são os objectivos em si ou a nossa falta de força de vontade, é o facto de não darmos um caminho o mais claro possível para que o objectivo caminhe e a nossa mania da perfeição. Mas nem tudo tem de ser feito de forma perfeita, muitas vezes fazer o que nos é possível com o tempo e disponibilidade (emocional e física) de que dispomos já é muito bom!


2 comentários:

Lara B. disse...

Olá Diana,

Concordo plenamente, eu este ano estou a tentar fazer o mesmo que tu, mas ainda tenho que me organizar melhor.

Beijinhos

aprendereorganizar disse...

Estás no bom caminho:)Beijinhos